Páscoa feliz para o Yunost

Por Martin Merk, IIHF.com

O Yunost Minsk ganhou o seu segundo campeonato consecutivo da Bielorrússia (e o seu quinto no geral) ao derrotar o Shakhter Soligorsk, após sete jogos na série final.

Enquanto o Yunost Minsk é uma das equipes top da liga há muitos anos, o nome do Shakhter Soligorsk não era muito conhecido para vários fãs de hóquei. Uma arena foi construída em Soligorsk em 2008, e o clube foi fundado um ano depois, para a disputa da temporada 2009-2010. O Shakhter é uma espécie de equipe afiliada do Dynamo Minsk, da KHL, que já enviou vários jogadores a Soligorsk.

Depois de vencer a temporada regular de 52 jogos com uma margem de 17 pontos frente ao Shakhter, o Yunost não teve muito trabalho nas duas primeiras rodadas dos playoffs, varrendo o HK Vitebsk e o Sokil Kyiv por 3-0. O Shakhter também sentiu pouca resistência contra o Neman Grodno (3-0) e o HK Gomel (3-1).

Os primeiros jogos da série mostraram que aquela seria uma luta difícil para ambas as equipes. Seis dos sete jogos terminaram com uma margem de um gol, quatro foram para a prorrogação e dois deles para um segundo tempo extra. A sétima e decisiva partida seria disputada no sábado, na antiga arena do Dinamo, mas os organizadores decidiram levar o jogo para a Minsk Arena, que abriu suas portas em janeiro, em vista do Campeonato Mundial da IIHF de 2014. Ao todo, 15.000 torcedores lotaram o ginásio, um público maior do que os dos jogos do Dynamo Minsk na KHL!

E os fãs não se arrependeram. Foi um jogo emocionante e com muita ação ofensiva (50-38 chutes a gol em favor do Yunost), que terminou empatado em 1-1 no tempo normal. Na prorrogação, o Shakhter esteve perto de ganhar durante um power play, mas o Yunost sobreviveu. E foi Artem Senkevich que levou o Yunost ao seu segundo título consecutivo, após um breakway aos 73min32s de jogo. Senkevich recebeu o prêmio de melhor jogador, enquanto os goleiros Vitali Velinsky (Yunost) e Mika Oksa (Shakhter) foram nomeados as outras duas estrelas do jogo.

A Ekstraliga da Bielorrússia teve um número recorde de 14 equipes este ano, incluindo dois times da Letônia e um da Ucrânia.

Por falar nesses países, na Letônia, o Dinamo Riga Juniors venceu a série final contra o Liepajas Metalurgs por 4-1 e ficou com o título nacional. O último jogo da série terminou com uma vitória no tempo extra por 3-2 para a equipe da capital. Nas semifinais, o Dinamo venceu o Ozolnieki por 3-1, enquanto o Liepaja venceu sua segunda equipe por 3-0. Latgale Daugavpils e Energija Eletrenai foram as outras equipes que se classificaram para os playoffs, após uma temporada regular de 30 jogos.

Sokil Kiev e Berkut Kyiv jogarão pelo título ucraniano. A série final começou nesta terça-feira.

Foto: Sergei Sheleg

3 comentários:

Fernnando disse...

Rangers levantando a SC?? xD

Bielorussia fez uma boa olimpiada, bora Berkut! hahahah

Igor Veiga disse...

Ahaha
Pode crer!
Essa imagem foi só pra dar um gostinho pro Juan... talvez ele veja essa cena com os Rangers verdadeiros daqui a uns 10, 15 anos... :P

Andrei Kostitsyn disse...

valeu veiguete =***

Postar um comentário

Contador de visitas